Negação não psicótica da gravidez: definições, especificidades e explicações

Thomás Gomes Gonçalves

Resumo


O objetivo desta revisão da literatura PSI é contribuir para a produção de conhecimento sobre o fenômeno da negação não psicótica da gravidez, tendo em vista a pouca produção científica nacional. Tal situação consiste no fato de uma mulher passar boa parte da gestação, ou até no momento do parto, sem saber que está gravida. Para tanto, buscaram-se em bancos de dados nacionais e internacionais, além de encontros presenciais com profissionais que trabalham com esse tema, as pesquisas já realizadas e os aspectos sobre o fenômeno que precisam ser ainda aprofundados e abordados para que se possa ter um avanço científico em relação à compreensão dessa experiência.

Palavras-chave


negação não psicótica da gravidez; gravidez; situação materno-infantil de risco

Texto completo:

HTML PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/epp.2014.13898

Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com