Pagamento por serviços ambientais: contribuições para o debate sobre sua aplicação no contexto brasileiro pós - Constituição Federal de 1988 environmental services payment: contributions to the debate on its application in the brazilian context post - Federal Constitution of 1988

Andréa Queiroz Fabri, Rodrigo Borges Barros, Alexandre Magrineli Reis, Edilaine Aparecida Rodrigues Pereira

Resumo


Serviços ambientais podem ser considerados como benefícios proporcionados ao ser humano pelos ecossistemas. Com o intuito de promover o uso consciente dos recursos ambientais e as iniciativas voluntárias de conservação, foi pensado o instrumento de pagamento por serviços ambientais. Esse mecanismo contribui para eficácia das políticas públicas ambientais ao incentivar mudanças de comportamento quanto ao uso e manejo dos recursos ambientais, proporcionando melhoria na qualidade de vida e do meio ambiente. Contudo, para instituição desses programas é preciso ainda debater uma série de questões, inclusive relativas ao Direito. No contexto brasileiro de ausência de uma Política Nacional de Pagamentos por Serviços Ambientais e de movimento de vários estados na estruturação de políticas locais, o debate se torna urgente, para que as estratégias adotadas sejam uníssonas e condizentes com os preceitos legais e sociais de promoção do interesse e do bem comum. Busca-se neste artigo revisar criticamente, no contexto pós-Constituição Federal de 1988, os conceitos fundamentais que regem a prática de pagamento por serviços ambientais e os requisitos necessários para a manutenção de um mercado de serviços ambientais. Além disso, apresentar iniciativas nacionais, estaduais e municipais de criação de requisitos legais sobre a matéria.

Palavras-chave: Meio ambiente, Instrumentos Econômicos, Pagamento por Serviços Ambientais, Gestão Ambiental, Sustentabilidade.

Abstract

Environmental services can be defined as the benefits provided by ecosystems to the humans. The management tool called payment for environmental services was developed for promoting conscious use of environmental resources and voluntary initiatives of environmental conservation. This tool can increase the effectiveness of environmental public policies by providing incentives to changing the behavior of use and management of environmental resources providing, in consequence, enhancements in both life and environmental qualities. However, to introduce such programmes, we still need to debate about many issues, including those regarding to the Law. In the Brazilian context, where a national police for environmental services payment has not been published yet and initiatives to issue local policies has been observed in some States, the debate becomes urgent to develop unisonous strategies in line with the legal and social precepts of promotion of common interest and common good. We aim to review critically, in the Brazilian context post-Constitution of 1988, the fundamental concepts that govern the environmental services payment practice and the necessary requirements for environmental services market maintenance. Beyond this, we aim to present national, statewide, and municipal initiatives of issuing legal requirements on this matter. We hope this piece could contribute to the theme dissemination and to its strengthening in both debate and practice domains, understanding that the research and the study are indeed effective driving force behind the improvement of strategies already established and to fostering new implementations where the programmes are feasible.

Keywords: Environment, Economic tools, Payment for environmental services, Environmental Management, Sustainability.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/rdc.2018.31885

Direitos autorais 2018 Revista de Direito da Cidade

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons de Atribuição Não Comercial Sem Derivações 3.0 Não Adaptada disponível em: (https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/deed.pt

 

Indexada em | Indexed by:

Directory of Open Access JournalsResultado de imagem para "ebsco"Resultado de imagem para scilit

LA Referenciahttp://www.journaltocs.ac.uk/API/blog/images/journaltocslogo.jpgResultado de imagem para suncatResultado de imagem para "American Association for the Advancement of Science"

Resultado de imagem para lexis nexis3d rendered picture of high peaks and cloud, with typographic logo for JURNSHERPA/RoMEO Logohttp://www.journaltocs.ac.uk/API/blog/images/journaltocslogo.jpgLA ReferenciaResultado de imagem para google scholar

 

Ver outras indexações da Revista

Periódico associado | Associated journal:

Associação Brasileira de Editores Científicos – ABEC

 

Revista de Direito da Cidade
Endereço: Rua São Francisco Xavier, 524, Sala 7027 B – Maracanã – Rio de Janeiro – RJ Cep 20550-900
Telefone: (21) 23340823
email: revistadedireitodacidadeuerj@gmail.com