Decolonialidade e relações raciais: um olhar sobre o ensino de História no currículo do curso de Pedagogia da UFRGS

Eduarda Souza Gaudio, Joana Célia dos Passos

Resumo


O artigo evidencia a insurgência do Movimento Negro pela descolonização dos currículos, por meio da construção de uma política para a educação das relações étnico-raciais e as implicações aos cursos de Pedagogia. Além disso, apresenta as alterações promovidas no currículo do curso de Pedagogia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), focalizando as perspectivas assumidas pelo ensino de História. Para a realização do estudo, realizou-se uma análise documental do Projeto Politico Pedagógico do curso e dos Programas das disciplinas, a partir de categorias que buscaram identificar as perspectivas epistemológicas assumidas no projeto do curso. As análises demonstraram a presença de componentes curriculares que possibilitam discussões, conteúdos e temáticas potencializadoras de uma perspectiva decolonial.


Palavras-chave


Decolonialidade. Relações Raciais. Ensino de História

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/intellectus.2021.57817

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Grupos de Pesquisa:

 
Financiamento:

Indexada em:

Open Academic Journals Index Dialnet
 
https://sumarios.org/revista/intell%C3%A8ctus
 

 https://scholar.google.com.br/citations?user=ruuQn9oAAAAJ&hl=pt-BR

 

Redes sociais:

https://www.instagram.com/intellectus.uerj/