FT-NIR associado a método quimiométrico para discriminar resíduos de antimicrobianos e antiparasitário no leite

Leandro da Conceição Luiz, Maria José Valenzuela Bell, Virgílio de Carvalho dos Anjos

Resumo


Introdução: O leite é um dos alimentos mais consumidos pelos seres humanos. Proteínas, vitaminas, gordura, carboidratos e sais minerais fazem parte de sua composição e desempenham importantes funções para a nutrição humana. A prática de adulteração no leite é antiga e ainda se faz presente nos dias de hoje em diversos países, inclusive no Brasil. A fim de obter lucro maior, alguns fornecedores costumam adicionar ao leite: água, amido, citrato, ureia, soda cáustica, cloreto de sódio, sacarose, soro do leite, melamina e outros componentes. No entanto, ainda há outro problema, o da contaminação do leite por medicamentos veterinários. Estes podem causar danos à saúde do consumidor e prejuízos para a produção de seus derivados. Objetivo: O presente trabalho propõe uma metodologia que permite detectar de maneira rápida a presença de resíduos de medicamentos veterinários em leites, dentro do limite máximo de resíduos de cada droga. Métodos: Fez-se o uso da espectroscopia no infravermelho próximo por transformada de Fourier associada à análise de componentes principais. A espectroscopia no infravermelho tem sido utilizada não somente para a autenticidade de laticínios, mas para determinar sua qualidade. Resultados: Conseguiu-se detectar resíduos de penicilina, oxitetraciclina e enrofloxacino, e também do antiparasitário ivermectina nas amostras de leites. Conclusão: A metodologia detectou de maneira rápida e precisa os resíduos das drogas analisadas, mesmo em concentrações muito baixas. Assim, é uma opção a outras existentes, já utilizadas para tal objetivo.

 


Palavras-chave


Antibiótico. Medicamento. Quimiometria. Ivermectina. Infravermelho.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.12957/demetra.2020.47945

e-ISSN: 2238-913X


Esta revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.