A EXPERIÊNCIA DO USO DA APRENDIZAGEM BASEADA EM PROJETOS COMO METODOLOGIA ATIVA NO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO PELO TRABALHO PARA A SAÚDE NA APRENDIZAGEM DA PRÁTICA PROFISSIONAL

Silvia Pereira, Jane Carlos Santana Capelli, Ana Lucia Abrahão, Alexandra Anastacio

Resumo


Neste trabalho objetiva-se relatar as experiências de aprendizagem vivenciadas pelo grupo do Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde na modalidade Vigilância em Saúde de Doenças Crônicas não Transmissíveis. A metodologia compreendeu a Aprendizagem Baseada em Projetos e a roda de conversa nos encontros mensais para a construção de uma prática dialógica. A estruturação da análise do processo de ensino-aprendizagem foi baseada em quatro fases: planejamento, observação, ação e reflexão. A discussão dos resultados foi pautada nos pressupostos de Delors: Aprender a aprender - durante os encontros, os graduandos refletiram sobre a contribuição de sua área de conhecimento para o atendimento do usuário e o papel da interdisciplinaridade para o cuidado integral no sistema de saúde;Aprender a conhecer - reconhecimento in loco dos determinantes sociais de saúde e associação com os indicadores de saúde; Aprender a fazer - a inserção dos graduandos nas unidades de saúde; Aprender a ser - a discussão dos dados junto aos profissionais e preceptores proporcionou um espaço para a abordagem das facilidades e entraves da atuação do profissional neste campo. O projeto assumiu como pressupostos: a autonomia do graduando e o exercício da responsabilidade de toda a equipe na solução de conflitos e na comunicação. Proporcionou-se a formação de um profissional pró-ativo, crítico, reflexivo, criativo e transformador.

DOI: 10.12957/demetra.2017.28092

 


Palavras-chave


Aprendizagem. Ensino. Educação em Saúde. Recursos Humanos em Saúde.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.12957/demetra.2017.28092

e-ISSN: 2238-913X


Esta revista está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.