childhoods, city and intergenerational relationships in everyday life

maria tereza goudard tavares

Abstract


This article derives from my participation in the II Congress of Childhood Studies: Politicizations and Aesthetics, held in September 2019, at UERJ/Maracanã. My speech entitled Childhoods, Culture and Intergenerational Relations in everyday life, was delivered in the conference “The ethnic-racial issue and the generational issue in childhood” having at its core extreme burning issues in Childhood Studies: both ethnic-racial and generational issues, arguing how these intersecting points (Collins, 2017) have effects on the daily life of Brazilian children, especially children from the popular classes who live in the outskirts of the big cities, such as the slums and urban borders of the state of Rio de Janeiro. In this pre-text, I chose to speak of this Other, named the child from the popular classes, the one who lives in the outskirts, in slums and popular areas. Those who, despite being infants deprived of speech, dare to speak among themselves and are spoken of by us, teachers and researchers of childhood. Considering our proposal of establishing conversation as a device for an encounter (Deleuze, 1998), I tried to speak of this Other, using my notes from the day of the conference, and the voices of authors with whom I dialogue in my studies, researches and daily work in different territories of the city (Tavares, 2019), understanding the contemporary city as a place of encounters, both good and bad. Above all, the city is a place of intergenerational meetings where the co-existence is possible.


Keywords


derecho a la ciudad; infancias; natalidad; educabilidad; hospitalidad.

References


AGAMBEN, G. Infância e História: destruição da experiência e origem da história. Belo Horizonte: UFMG, 2005.

ANDRADE, C.D. de. O Outro. IN: Poesia e Prosa. Rio de Janeiro: Nova Aguillar, 1979.

ARENDT, H. A Condição Humana. São Paulo: Forense Universitária, 1995.

ARENDT, H. Reflexões sobre Little Rock. In: ARENDT, H. Responsabilidade e Julgamento. 1. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1959. p. 261-281.

ARENDT, H. A crise na educação. In: Between past and future: six exercises in political thought, Nova York, 1961. 173-196. Disponível em: .Acesso em: 22 de janeiro de 2020.

BENJAMIN, W. Infância em Berlim. IN: Obras escolhidas II: Rua de Mão Única. São Paulo: Brasiliense, 2000.

BENJAMIN, W. Charles Baudelaire- um lírico no auge do capitalismo. Obras escolhidas III. São Paulo: Brasiliense, 1995.

CASTRO, L. R. Subjetividade e Cidadania: um estudo com crianças e jovens em três cidades brasileiras. Rio de janeiro: Sete Letras, 2001.

CASTRO, L. R. O Futuro da Infância: e outros escritos. Rio de Janeiro: Sete Letras/FAPERJ, 2013.

COLLINS, P. H. Pensamento Feminista Negro. (J. P. Dias, Trad.). São Paulo: Boitempo, 2019.

CORSARO, W. “Reprodução Interpretativa e Cultura de pares”. IN: MULLER, F. & CARVALHO, A. M. (Orgs.). Teoria e Prática na pesquisa com crianças: diálogos com William Corsaro. São Paulo: Cortez, 2009.

DERRIDA, J., & DUFOUMANTELLE, A. Da Hospitalidade. (A. Romane, Trad.). São Paulo: Escuta,2003.

FARIA, A.L. G.; FINCO, D. (Orgs.). Sociologia da infância no Brasil. Campinas: Autores Associados, 2011.

FARIAS, A. B. de. Poéticas da Hospitalidade: Ensaios para uma filosofia do acolhimento. Porto Alegre: Zouk, 2018.

FREINET, C. Para uma escola do povo: guia prático para a organização material, técnica e pedagógica da escola popular. Lisboa: Presença, 1973.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1979.

FREIRE, P. A importância do Ato de Ler: em três artigos que se completam. São Paulo: Cortez, 1986.

FREIRE, P. & MACEDO, D. Alfabetização: leitura do mundo, leitura da palavra. São Paulo: Paz e Terra, 1990.

FREIRE, P. Pedagogia da Esperança. São Paulo: Paz e Terra, 1993.

GALEANO, E. O Livro dos Abraços. 2ª Edição. Porto Alegre: L&PM, 2008.

LABBUCCI, A. Caminhar, uma revolução. São Paulo: Martins Fontes, 2013.

LARROSA, J. O enigma da infância ou o que vai de impossível ao verdadeiro. In: LARROSA, J. & LARA, N, P. Lara (orgs.). Imagens do Outro. Petrópolis: Vozes, 1998.

LEFEBVRE, H. O Direito à Cidade. São Paulo: Editora Moraes, 1991.

MATOS, O.C.F. Benjaminianas: Cultura capitalista e Fetichismo contemporâneo. São Paulo: Editora UNESP, 2010.

MASSCHELEIN, J. O mundo “mais uma vez”: andando sobre linhas. IN: MARTINS, F.F.R.; NETTO, M.J.V.; KOHAN, W.O. (orgs.). Encontrar Escola. Rio de Janeiro: Lamparina/FAPERJ, 2014.

SANTOS, B. S. A Crítica da Razão Indolente. Contra o desperdício da experiência. Porto: Afrontamentos, 2000.

SANTOS, M. Técnica espaço tempo: globalização e meio técnico-científico informacional. São Paulo: Hucitec, 1997.

SANTOS, M. O Espaço do cidadão. São Paulo: Nobel, 1996.

SARAMAGO, J. Ensaio sobre a Cegueira. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

SARMENTO, M.J. &GOUVEA, M.C.S. (orgs.). Estudos da infância: educação e práticas sociais. Petrópolis: Vozes, 2008.

TAVARES, M.T.G. A Infância e a Cidade: investigando componentes territoriais de processos formativos de crianças na cidade de São Gonçalo. Projeto de Pesquisa Prociência -UERJ/FAPERJ, Rio de Janeiro, 2016.

TAVARES, M.T.G. A(s) Infância(s) e a cidade: discutindo processos formativos de crianças nos territórios gonçalenses. Projeto de Iniciação Científica, UERJ, Rio de Janeiro, 2010.

TAVARES, M.T.G. Os “pequenos”, a Escola da Infância e o Direito à cidade. IN: LOPES, J.J.M. e MELLO, M. B. de. “O Jeito de que nós crianças pensamos sobre certas coisas”: Dialogando com lógicas infantis. Rio de Janeiro: Rovelle, 2009.

TAVARES M.T.G. Os Pequenos e a cidade: O papel da Escola na construção de uma alfabetização cidadã. 203 f. Tese (Doutorado em Educação)- Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2003.

TAVARES, M.T.G.; LUCCHESI, J. C. A cidade como um livro de espaços: lendo e pensando a cidade com a(s) infâncias(s)de creches comunitárias do Rio de Janeiro. IN: CARREIRO, H.J.S.; TAVARES, M.T. G.(orgs.). Estudos e Pesquisas com o Cotidiano da Educação das Infâncias de Periferias Urbanas. São Carlos: Pedro & João Editores, 2018.




DOI: https://doi.org/10.12957/childphilo.2020.48030

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


childhood & philosophy Creative Commons License
e-issn 1984-5987 | p-issn 2525-5061