A Capacidade Tecnológica para Inovar de Micro, Pequenas e Médias Empresas de Metalmecânica Fluminenses

Autores

DOI:

https://doi.org/10.12957/cdf.2021.60305

Resumo

Este artigo é o resultado de uma pesquisa de natureza quantitativa e empírica com finalidade descritiva que teve como objetivo investigar a capacidade tecnológica para inovar de Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPME) de metalmecânica fluminenses a partir da utilização da Tecnologia Industrial Básica (TIB). Verificou-se que cerca de 60% das empresas investigadas encontra-se no nível primário de capacidade em TIB onde predomina a avaliação pontual da conformidade e no nível básico em que a certificação de qualidade é utilizada por 22%, a certificação ambiental por menos de 10% e a cooperação com fornecedores por menos de 5% delas. Verificou-se ainda o desconhecimento dos mecanismos existentes de propriedade intelectual, monitoramento de informações tecnológicas e prospecção tecnológica, embora a transferência de tecnologia seja utilizada por 20% das empresas. A baixa capacidade tecnológica identificada na grande maioria das empresas constitui mais um dos vários obstáculos que elas enfrentam para inovar, tornando fundamental o suporte externo por meio de políticas contínuas de extensão tecnológica. A relação entre capacidade tecnológica, aprendizagem tecnológica, TIB e inovação  é um tema ainda pouco explorado, daí a sugestão de que pesquisas futuras possam contemplar empresas de portes e setores produtivos diversos em outras localidades do país ou em todo o território nacional, contribuindo para ampliar a compreensão da capacidade tecnológica para inovar das empresas brasileiras.

Biografia do Autor

Heitor Soares Mendes, Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet/RJ)

DEMET-COMEC, professor EBTT; pesquisador do Grupo de Pesquisa Cooperação Tecnológica, Inovação e Desenvolvimento; membro da comissão organizadora do EXPIN48.

Marta Lucia Azevedo Ferreira, Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet/RJ)

DEMET-COADM, professor EBTT; coordenadora do Grupo de Pesquisa Cooperação Tecnológica, Inovação e Desenvolvimento; membro da comissão organizadora do EXPIN48.

Downloads

Publicado

2021-11-30

Como Citar

MENDES, Heitor Soares; FERREIRA, Marta Lucia Azevedo. A Capacidade Tecnológica para Inovar de Micro, Pequenas e Médias Empresas de Metalmecânica Fluminenses. Cadernos do Desenvolvimento Fluminense, Rio de Janeiro, n. 21, p. 109–131, 2021. DOI: 10.12957/cdf.2021.60305. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/cdf/article/view/60305. Acesso em: 16 jul. 2024.