Tramas urbanas de uma cidade ocupada

Luciana Vanzan da Silva

Resumo


O presente trabalho busca, a partir da análise das configurações da globalização e do espaço na atualidade, pensar a emergência de práticas de viver a/na cidade, que possibilitem a vivência de uma outra experiência subjetiva a partir dessas práticas.
O trabalho centrar-se-á na experiência de uma ocupação de um prédio abandonado na cidade do Rio de Janeiro no ano de 2004. Especificamente, o trabalho tratará da experiência/vivência no cotidiano da ocupação, como forma de transitar entre experiências que têm criado e recriado formas de vivenciar o espaço urbano que escapam ao hegemonicamente preconizado.
Para isso foi necessário fazermos algumas breves análises acerca das moradias populares do final do século XIX na cidade do Rio, incluindo os processos de remoções ocorridos na década de 1960.

Palavras-chave


Subjetividade; Espaço Urbano

Texto completo:

PDF HTML


Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com