Sobre a família: com a palavra, a comunidade

Claudia Lins Cardoso, Terezinha Féres-Carneiro

Resumo


O presente estudo discute questões relacionadas à família que vive em contexto de pobreza e às políticas públicas a ela destinadas. Ele decorre da experiência adquirida no projeto de extensão intitulado “Inserção do Psicólogo no Programa Saúde da Família”, desenvolvido em Vespasiano (MG), junto a pessoas diabéticas e hipertensas freqüentadoras do PSF daquele município. O trabalho pretende contribuir para um maior esclarecimento acerca da experiência de família em contexto de pobreza na perspectiva de seus membros. Para isso, apresenta fragmentos de relatos dos participantes dos grupos terapêuticos, realizados ao longo do desenvolvimento do projeto, cujo objetivo era investigar a experiência de família dos mesmos. Evidenciou-se a ênfase dos participantes nos aspectos interpessoais da dinâmica da família e na qualidade das relações entre seus membros, e não nas suas características estruturais, tais como suas formas de organização e funcionamento, aspectos estes mais ressaltados na literatura sobre o tema.

Palavras-chave


Família; Pobreza; Políticas públicas de saúde; Programa saúde da família; Abordagem gestáltica

Texto completo:

PDF HTML


Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com