Participatory river restoration projects: a tool for better water management / Projetos de restauração fluvial participativos: uma ferramenta para melhor gestão das água

Juliana Young, Francisco Manuel Serdoura, Jussara Cabral Cruz

Resumo


DOI: 10.12957/rdc.2018.31082

Abstract

The current condition of rivers with loss of biodiversity leads to the search for alternatives to restore these ecosystems. This work aimed to investigate if rivers restoration is conducted in Portugal participatory way involving stakeholders, as recommended by the European Union Water Framework Directive and if has an influence on people's perception of the river. Thus, the investigation were development through field visit, interviews with the technicians of municipalities involved in the revitalization of rivers, consulting the specific literature of the theme, elaboration and application of questionnaire to the stakeholders, verifying their perceptions about the river and its participation degree in projects, as well as the development of qualitative and quantitative character analyzes. It can be concluded that for the example studied, restoration projects have not been built collectively, resulting in a lack of knowledge of the population and consequent neglect with the river, demonstrating poverty of social capital. The analysis of the results obtained in this research reveals the importance of Portugal to review its water management procedure, including more participatory processes throughout its territory, causing municipalities to develop mechanisms for stakeholder involvement.

Keywords: Management; Public Participation, River Restoration, Share Capital; Stakeholders

Resumo

A condição atual dos rios com perda de biodiversidade leva à busca de alternativas para restaurar esses ecossistemas. Este trabalho teve como objetivo investigar se a restauração dos rios é conduzida em Portugal de forma participativa envolvendo partes interessadas, conforme recomendado pelas Diretrizes do Panorama de Água da União Européia e se tem influência na percepção das pessoas sobre o rio. Assim, a investigação foi desenvolvida por meio de visita de campo, entrevistas com os técnicos dos municípios envolvidos na revitalização dos rios, consultando a literatura específica do tema, elaboração e aplicação de questionário às partes interessadas, verificando suas percepções sobre o rio e seu grau de participação em projetos, bem como o desenvolvimento de análises de caráter qualitativo e quantitativo. Pode-se concluir que, para o exemplo estudado, os projetos de restauração não foram construídos coletivamente, resultando em falta de conhecimento da população e consequente negligência com o rio, demonstrando a pobreza do capital social. A análise dos resultados obtidos nesta pesquisa revela a urgência de uma proposta de revisão dos procedimentos de gerenciamento de água, incluindo processos mais participativos em todo o seu território, fazendo com que os municípios desenvolvam mecanismos para o envolvimento das partes interessadas.

Palavras-chave: Gestão; Participação Pública, Restauração de Rios, Capital Social; Stakeholders


Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.12957/rdc.2018.31082

Direitos autorais

Esta licença permite que outros distribuam, remixem, adaptem e criem a partir do seu trabalho, mesmo para fins comerciais, desde que lhe atribuam o devido crédito pela criação original: (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/

 

Indexada em | Indexed by:

Directory of Open Access JournalsResultado de imagem para "ebsco"Resultado de imagem para scilit

LA Referenciahttp://www.journaltocs.ac.uk/API/blog/images/journaltocslogo.jpgResultado de imagem para suncatResultado de imagem para "American Association for the Advancement of Science"

Resultado de imagem para lexis nexis3d rendered picture of high peaks and cloud, with typographic logo for JURNSHERPA/RoMEO Logohttp://www.journaltocs.ac.uk/API/blog/images/journaltocslogo.jpgLA ReferenciaResultado de imagem para google scholar

 

Ver outras indexações da Revista

Periódico associado | Associated journal:

Associação Brasileira de Editores Científicos – ABEC

 

Revista de Direito da Cidade
Endereço: Rua São Francisco Xavier, 524, Sala 7027 B – Maracanã – Rio de Janeiro – RJ Cep 20550-900
Telefone: (21) 23340823
email: revistadedireitodacidadeuerj@gmail.com