A Construção da Identidade Discursiva dos Idosos da UnATI: Universidade Aberta da Terceira Idade - UERJ

Simone Vieira Resende

Resumo


A construção de identidades no contexto de estudos sobre o envelhecimento tem sido foco de alguns estudos contemporâneos (GONÇALVES, 1999); (SOUSA, 2006); (PRADO E SAYD, 2004); (VERAS E CALDAS, 2004). Essas pesquisas destacam a importância do levantamento do perfil do idoso como elemento primordial para o desenvolvimento de políticas públicas especialmente direcionadas para essa parte da população. Entretanto, como esses estudos são muito generalizados, e na sua grande maioria de cunho quantitativo, as identidades projetadas discursivamente nos depoimentos e falas dos idosos, especialmente os idosos que frequentam a UnATI, Universidade Aberta da Terceira Idade da UERJ, não aparecem como objeto de estudo nesse contexto. O presente estudo corrobora o preenchimento dessa lacuna, investigando como os idosos, alunos da UnATI, constroem discursivamente suas identidades enquanto  frequentadores das oficinas e serviços oferecidos. A investigação é realizada com base nos estudos sócio-cognitivos, busca nas colocações lexicais, informação para identificar os Modelos Cognitivos Idealizados (MCIs – LAKOFF, 1987) projetados discursivamente pelos idosos. Os dados foram obtidos através da extração das falas e depoimentos dos idosos que aparecem na publicação de comemoração dos 15 anos de fundação da UnATI (VERAS, 2008) e analisados qualitativamente a partir dos estudos sobre os processos identitários no discurso (SCHIFFRIN, 2006; ROGERS, 2004) e dos MCIs (LAKOFF, 1987). Os resultados sinalizam que, discursivamente, as identidades projetadas pelos idosos que frequentam a UnATI, consolidam-se nos modelos cognitivos e culturais construídos a respeito desse idoso e corroboram o papel que a UnATI assume institucionalmente. Os dados também apontam que a rede de referências construída no discurso dos idosos sobre a UnATI, também revela informações sobre a identidade da UnATI como instituição. O levantamento da identidade discursiva dos alunos da UnATI também fornece dados que colaboram para o desenvolvimento de novas oficinas e cursos, que atendam essa parte da população.


Palavras-chave


Identidades discursivas, MCIs, idosos, UnATI, análise de discurso.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/palimpsesto.2018.36584

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Simone Vieira Resende

 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/palimpsesto


Palimpsesto é uma publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre MIAR ResearchBib BASE Logo UF Libraries University of Texas Libraries  Library Logo UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB


Licença Creative Commons

A Palimpsesto utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.