DESAFIOS POÉTICOS DO REALISMO NA ATUALIDADE: A CONTRIBUIÇÃO DE GYÖRGY LUKÁCS

Gabriel Estides Delgado

Resumo


O itinerário de maturação filosófica de György Lukács tem consequências claras na teoria estética desenvolvida pelo pensador húngaro e sua obra madura supera em complexidade e abrangência os ensaios juvenis, gestados ainda no âmbito de um idealismo romântico e sectário. O caminho em direção à objetividade, que Lukács trilhará no contato sistemático com a obra de Karl Marx, dinamiza a concepção artística do autor, aproximando-o mais concretamente da realidade histórica à qual outrora atribuía apenas hostilidade. A teoria do realismo daí derivada conserva atualidade pelo questionamento global que é capaz de sustentar às poéticas mais consequentes com as razões assimétricas do próprio funcionamento.


Palavras-chave


Velho Lukács; Estética; Realismo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Gabriel Estides Delgado

 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/palimpsesto


Palimpsesto é uma publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre MIAR ResearchBib BASE Logo UF Libraries University of Texas Libraries  Library Logo UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB


Licença Creative Commons

A Palimpsesto utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.