O projeto americanista, a campanha pelo ferro e petróleo nas missivas de Monteiro Lobato e Arthur Neiva (1927 – 1942)

Rhaiane Mendonça Leal

Resumo


Este artigo propõe a pensar as temáticas das correspondências trocadas entre o literato Monteiro Lobato e o cientista Arthur Neiva, entre 1927 e 1942. O objetivo é compreender os diálogos entre os referidos intelectuais acerca da aplicação do projeto americanista, do desenvolvimento da metalurgia e da campanha do petróleo no Brasil. A metodologia empregada se deu por intermédio da análise dos arquivos do Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea no Brasil (CPDOC/ FGV). A questão nacional é apresentada nos projetos e concepções escritas em missivas de Lobato e Neiva, bem como as formas de engajamento com os debates intelectuais do período, e o repertório acionado para transformar o país em uma nação viável.


Palavras-chave


Monteiro Lobato; Arthur Neiva; Intelectuais.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/intellectus.2021.61364

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Grupos de Pesquisa:

 
Financiamento:

Indexada em:

Open Academic Journals Index Dialnet
 
https://sumarios.org/revista/intell%C3%A8ctus
 

 https://scholar.google.com.br/citations?user=ruuQn9oAAAAJ&hl=pt-BR

 

Redes sociais:

https://www.instagram.com/intellectus.uerj/