REESTRUTURAÇÃO ECONÔMICA E REPRODUÇÃO DO ESPAÇO URBANO, REFLEXOS SOBRE O MERCADO IMOBILIÁRIO DE CIDADES MÉDIAS

Juçara Spinelli, Paulo Roberto Rodrigues Soares

Resumo


DOI: http://dx.doi.org/10.12957/geouerj.2013.5342

 

O processo de urbanização, após a década de 1990, configura uma forte mudança na morfologia e nas relações socioespaciais urbanas, em especial, nas cidades de porte médio. Tais transformações, em muitas cidades médias brasileiras, são decorrentes de uma reestruturação econômica e produtiva do campo, com reflexos na cidade. A dinâmica imobiliária expressa esse reflexo. Os proprietários de terras rurais e urbanas, os incorporadores imobiliários e os empresários do setor da construção civil, com seus interesses econômicos, surgem como agentes prevalecentes e, muitas vezes, sua atuação é fortalecida pelo próprio poder público. As atuais políticas públicas federais de acesso à moradia têm promovido novas relações e novos interesses frente às possibilidades de investimento e financiamento/endividamento imobiliário. Nesse contexto, denota-se que há certa perversidade no/do processo de acesso à terra e à moradia pelo controle do mercado imobiliário e dos agentes e circuitos de capitais da classe dominante, gerando a exclusão social e, espacialmente, forte compactação e difusão. O artigo apresenta resultados parciais da pesquisa de doutorado acerca da dinâmica do mercado imobiliário em Passo Fundo/RS, cidade média e polo regional.

 

Abstract:The urbanization process after the 1990 indicates a strong change in morphology and urban socio-spatial relations, especially in mid-sized cities. Such transformations in many Brazilian mediun cities, are the results of a restructuring of the economic and productive field, reflected in the city. The dynamic property expressed this reflex. The owners of rural and urban land, real estate developers and ownersof construction industry, with its economic interests, agents emerge as prevalent and often their performance is strengthened by the public. The current public policies of the federal government for access to housing have promoted new relationships and new interests ahead to the possibilities of investment and financing / real estate debt. In this contextdenotes that there is a certain perversity in / of the process of access to land and housing for control of real estate agents and circuits of capital and the ruling class, leading to social exclusion and spatially, strong compression and diffusion. The article presents partial results of doctoral research on the dynamics of the housing market in Passo Fundo/RS, average city and regional center.


Palavras-chave


geografia urbana; reestruturação produtiva; cidades médias

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/geouerj.2013.5342



Direitos autorais



ISSN: 1415-7543 | E-ISSN: 1981-9021 | JournalDOI: https://doi.org/10.12957/geouerj

Licença Creative Commons