Feminismo negro e a interseccionalidade de gênero, raça e classe

Eunice Lea de Moraes, Lucia Isabel Conceição da Silva

Resumo


O artigo aborda a questão das intersecções de gênero, raça e classe no feminismo. Trata-se de um estudo teórico, baseado no pensamento de feministas afro americanas e brasileiras sobre feminismo negro e interseccionalidade, discutindo a seguinte pergunta: como o feminismo interseccional das múltiplas dimensões de gênero, raça e classe influencia na luta das mulheres negras contra as dominações e opressões das quais historicamente são vítimas? O objetivo é discutir a interseccionalidade sexista, racista, classista como fundantes do feminismo negro, afirmando o significado desta conexão na compreensão e enfrentamento das lutas e opressões atuais.

Palavras chaves: feminismo negro; opressões; interseccionalidade


Palavras-chave


feminismo negro; Opressões; interseccionalidade

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/cesp.2017.32989

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Cadernos de Estudos Sociais e Políticos (ISSN 2238-3425), periódico indexado em IBICT , Periódicos CAPES, CLASE, Latindex, IBSS, DOAJ, DRJI, Diadorim , Citefactor e Dialnet.

Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP)

Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)

Rua da Matriz 82, Rio de Janeiro - RJ, CEP 22260-100

E-mail: cadernos@iesp.uerj.br

Telefone: (+55)(21) 2266-8300