Olhar soberano na fotografia de José Domingo Laso / Sovereign view in José Domingo Laso’s photography

Autores

Palavras-chave:

Direito, Fotografia, vida nua, José Domingo Laso Acosta / Law, Photography, bare life, José Domingo Laso Acosta.

Resumo

DOI: 10.1590/2179-8966/2020/54050

 

Resumo

A série fotográfica Quito a la vista, de José Domingo Laso Acosta, retrata os principais pontos turísticos da cidade em 1911. Entretanto, por meio de intervenções nos negativos fotográficos, Laso literalmente apagou a presença indígena das paisagens da cidade. A partir da noção de vida nua (Agamben), analisa-se a relação entre arte, política e direito na fotografia de Laso: a fotografia como correlato iconográfico do olhar soberano da época.

Palavras-chave: Direito; Fotografia; vida nua; José Domingo Laso Acosta.

 

Abstract

José Domingo Laso Acosta show the main tourist landscape of the Quito in 1911. However, through interventions in the negatives and photographic retouches, Laso literally erased the presence of the Indian from the city scene. Through the concept of bare life (Agamben), the relationship between art, politics and Law in Laso’s photography is analyzed: photography as an iconographic correlate of the sovereign view.

Keywords: Law; Photography; bare life; José Domingo Laso Acosta.

Biografia do Autor

Rafael Lazzarotto Simioni, PPGD/FDSM e PPGB/Univás

Pós-Doutor em Filosofia e Teoria do Direito pela Universidade de Coimbra, Doutor em Direito Público pela Unisinos, Mestre em Direito pela UCS, Professor do Programa de Mestrado em Direito da FDSM e do Programa de Mestrado em Bioética da Univás, Pesquisador-Líder do Grupo de Pesquisa Margens do Direito (PPGD/FDSM)

Publicado

2022-09-12

Como Citar

Simioni, R. L. (2022). Olhar soberano na fotografia de José Domingo Laso / Sovereign view in José Domingo Laso’s photography. Revista Direito E Práxis, 13(3), 1763–1786. Recuperado de https://www.e-publicacoes.uerj.br/revistaceaju/article/view/54050