O LEGADO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA & INOVAÇÃO (C, T & I) DOS JOGOS ESPORTIVOS BRASILEIROS: UM RELATO BASEADO NA INFRAESTRUTURA DAS UNIVERSIDADES EMPREENDEDORAS

Branca Regina Cantisano dos Santos e Silva, Lamartine Pereira da Costa, Leonardo Lehnemann Agostinho Martins, Marilda Sant'Anna Maciel, Mariza Costa Almeida

Resumo


DOI: 10.12957/polemica.2017.29611
_________

O objetivo desse trabalho é relatar o cenário brasileiro de fomento à inovação no esporte, observando o contexto dos jogos esportivos realizados no Brasil desde 2007, o que induziu a uma proposta de legado de C, T & I, em função da infraestrutura de universidades empreendedoras, no país. O método usado nesta pesquisa constou de análise teórica e documental, além de entrevista com especialista na área de legados de eventos esportivos. O resultado mostrou um legado de C,T & I devido ao apoio científico e tecnológico, que incentivou a inovação nas empresas, além de demonstrar que o país estava se preparando para os eventos esportivos que ocorreram desde 2007, os quais tiveram significativa participação das universidades empreendedoras como uma fonte de conhecimento de novos produtos e serviços, criando start-ups com o apoio do governo. A configuração da hélice tríplice no desenvolvimento de inovações no esporte no Brasil destaca o importante papel da universidade empreendedora na construção do legado de C, T & I dos jogos esportivos que ocorreram no Brasil, e em especial dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Palavras-chave: Inovação no esporte. Jogos olímpicos. Universidade empreendedora. Legado de C,T&I. Fomento. Start-ups.

________________________

Abstract: The aim of this study is to report the Brazilian scenario of supporting sport innovation, observing the context of sports games held in Brazil since 2007, which led to a S, T & I legacy proposal, depending on the infrastructure entrepreneurial universities in the country. The method used in this research consisted of theoretical and documentary analysis, and interviews with expert in the field of sporting events legacies. The result showed a legacy of S, T & I, due to scientific and technological support, which encouraged innovation in enterprises, as well as demonstrating that the country was preparing for the sporting events that have occurred since 2007, which had significant participation of entrepreneurial universities as a source of knowledge of new products and services, creating start-ups, with government support. The configuration of the triple helix in the development of innovations in the sport in Brazil highlights the important role of entrepreneurial university in building the legacy of S, T & I of sports games that took place in Brazil and especially the Rio 2016 Olympic Games.

Keywords: Sport innovation. Olympic games. Entrepreneurial university. S, T & I legacy. Grants. Start-ups.


Texto completo:

PDF LER NO SITE


DOI: https://doi.org/10.12957/polemica.2017.29611