O processo de afirmação da identidade negra em O Black Power de Akin de Kiusam de Oliveira e ilustração de Rodrigo Andrade

Leandro Passos, Luana Passos

Resumo


Este artigo propõe-se a analisar de que modo o/a som/palavra articulada da linguagem literária, o traço, a linha e as cores da ilustração constroem, na obra O Black Power de Akin, o processo de construção da identidade negra positiva. Para tanto, serão utilizados os estudos de Souriau (1965), de Duarte (2008), de Debus (2017), de Munanga (2006) e de Gomes (2006). Outros pesquisadores também serão utilizados neste artigo.


Palavras-chave


Identidade negra; Ilustração; Linguagem literária; Literatura para crianças e jovens; Poética

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/palimpsesto.2021.57458

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Leandro Passos, Luana Passos

 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/palimpsesto


Palimpsesto é uma publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre MIAR ResearchBib BASE Logo UF Libraries University of Texas Libraries  Library Logo UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB


Licença Creative Commons

A Palimpsesto utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.