A relação entre a produção literária na Amazônia paraense do século XIX e a imprensa periódica belenense oitocentista

Alan Victor Flor da Silva

Resumo


objetivamos, com este trabalho, demonstrar que escritores radicados na capital da província do Pará durante as duas últimas décadas do século XIX seguiram uma mesma tendência que se arrolava em outras partes do território brasileiro, principalmente no Rio de Janeiro, capital do país na época. Assim como ocorreu em outras províncias do Brasil no Oitocentos, esses escritores se apropriaram do espaço do jornal para a publicação de trabalhos literários (romances, contos e poemas), para o anúncio de obras impressas recém-lançadas, para a divulgação de críticas literárias destinadas à produção literária assinada por colegas de ofício (homens de letras também radicados na capital da província do Pará) e para a realização de debates em torno das escolas literárias vigentes durante o final do século XIX (Romantismo e Naturalismo). Este trabalho é resultado da pesquisa em fontes primárias – a exemplo de periódicos que circularam diariamente pela capital paraense durante as duas últimas décadas do Oitocentos – e fontes secundárias – a exemplo de dicionários, antologias, enciclopédias e histórias literárias.


Palavras-chave


imprensa periódica. produção literária. escritores. Belém. século XIX.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/palimpsesto.2020.49664

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Alan Victor Flor da Silva

 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/palimpsesto


Palimpsesto é uma publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre MIAR ResearchBib BASE Logo UF Libraries University of Texas Libraries  Library Logo UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB


Licença Creative Commons

A Palimpsesto utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.