“Lembrança eu tenho da Saracura”: notas sobre a população negra e as reconfigurações urbanas no bairro do Bexiga

Larissa Aparecida Camargo do Nascimento

Resumo


Localizado na região central da cidade de São Paulo, o bairro Bela Vista, popularmente denominado Bexiga, apresenta em sua gênese o quilombo urbano Saracura. No final do século XIX, com o patrocínio do governo brasileiro, italianos, principalmente calabreses, passaram também a fazer parte do referido cenário. Apesar da presença e protagonismo da população negra até os dias de hoje neste contexto, diferentes meios difundem a imagem do Bexiga como um bairro genuinamente italiano. Além disso, constantemente, o bairro tem sido alvo de intensos processos de redefinição territorial, o que tem promovido o deslocamento de famílias negras economicamente desfavorecidas. Diante das relações assimétricas que se constituíram, o presente artigo busca discutir as reconfigurações urbanas no bairro por um viés que considera o estudo das identidades e relações raciais como imprescindíveis para a compreensão do urbano. Desse modo, são feitas referências aos estudos de Lucena (1984), Rolnik (1989), Borges (2001), Castro (2006) e Oliveira (2008), no intuito de estabelecer um diálogo entre pesquisadores da sociologia urbana e da sociologia das relações raciais. Além de pesquisa bibliográfica, o estudo envolveu pesquisa audiovisual, entrevistas e observação participante.

 

Palavras-chave: Negro; Identidade; Memória; Sociologia Urbana; Bexiga.

DOI: http://dx.doi.org/10.12957/intratextos.2014.7099

 


Palavras-chave


Negro; Identidade; Memória; Sociologia Urbana; Bexiga.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/intratextos.2014.7099

E-mail para contato com os editores: revista.intratextos@gmail.com

PPCIS/UERJ: Rua São Francisco Xavier, 524 - 9º andar - Sala 9037 - Bloco F

CEP: 20550-900 - Maracanã - Rio de Janeiro

Telefone: (21) 2334-0678 / Ramal 27


ISSN 2176-6789

 

Indexações

Revistas Online – UERJ; Revistas brasileiras – SEER; Latindex; Sumários de Revistas Brasileiras; Journals4Free e Periódicos Capes