A GEOGRAFIA DO PETRÓLEO EM TRANSIÇÃO: CONSIDERAÇÕES A PARTIR DAS DESCOBERTAS DE FONTES NÃO CONVENCIONAIS DE PETRÓLEO NA AMÉRICA

Ciro Marques Reis, Mônica Sampaio Machado

Resumo


DOI: http://dx.doi.org/10.12957/geouerj.2014.12864

 

Este artigo apresenta considerações sobre a nova geopolítica do petróleoa partir das recentes descobertas de enormes jazidas de petróleo de fontes não convencionais em regiões fora do eixo Oriente Médio-Norte da África, especificamente, o xisto nos EUA, as areias betuminosas no Canadá e o pré-sal no Brasil. Busca-se, assim, delinearalguns cenários geopolíticos possíveis considerando a entrada dessasnovas fontes de petróleo no comércio mundial.Para tanto, este artigo foi organizado emtrês partes. Inicialmente, um breve balanço sobre o estado da arte dos atuais estudos sobre a geopolítica do petróleo no Brasil será apresentado. Em seguida, será expostoum quadro sobre a distribuição geográfica da indústria do petróleo no mundo,as principais reservas provadas, os países e regiões produtoras e consumidoras mais importantes e as principais atividades de refino, com destaque para o papel das grandes companhias.Por fim, são apresentadasas possibilidades de reestruturação e reordenamento geográfico e geopolítico do petróleo no mundo,considerando essas novas fontes energéticas não convencionaisdos EUA, Canadá e Brasil.

 


Palavras-chave


Geopolítica; Petróleo; Fontes não convencionais; Geografia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/geouerj.2014.12864



Direitos autorais



ISSN: 1415-7543 | E-ISSN: 1981-9021 | JournalDOI: https://doi.org/10.12957/geouerj

Licença Creative Commons