Na Maré Profunda: infraestruturas midiáticas e o oceano animado.

Ruy Cézar Campos Figueiredo, Erick Felinto

Resumo


 A artista franco-guianense Tabita Rezaire lançou em 2017 sua obra Na Maré Profunda, exposta no ano de 2018 no Brasil na exposição Campos de Invisibilidade. Aqui serão articuladas relações entre sua obra, suas reflexões e questões teóricas que permeiam a arte e o pensamento sobre as mídias no contexto da pós-internet, resultando em um texto que promove um encontro entre infraestruturas midiáticas, estudos africanos, tecnologia, animismo e epistemologia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/concinnitas.2020.46545

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


facebook.com/revistaconcinnitas

concinni@gmail.com

ISSN 1981-9897