A EDUCAÇÃO ENTRE A RELIGIÃO E A POLÍTICA: CONSERVADORISMO CRISTÃO E O HOMESCHOOLING

Alexandre Guilherme da Cruz Alves Junior, Flávio Vilas-Bôas Trovão

Resumo


O presente ensaio tem poro objetivo discorrer sobre a construção dos argumentos religiosos nos Estados Unidos para a defesa da implementação e popularização do homeschooling como modalidade de educação formal. Embora os argumentos dos seus defensores não se resumam aos aspectos religiosos, interessa-nos compreender a sua apropriação como um espaço de mediação entre tais valores e a política educacional institucional, resgatando o contexto histórico norte-americano dos anos 1980, no momento de sua expansão e suas possíveis variações na atual política educacional daquele país.

 


Palavras-chave


Educação domiciliar; religião; Estados Unidos; História

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, Édison Prado. Educação domiciliar: encontrando o Direito. Revista Proposições. vol.28, no. 2 (83), maio/agosto 2017. p. 172-192.

BARBOSA, Luciane Muniz Ribeiro. Ensino em casa no Brasil: um desafio à escola? Tese (Doutorado em Educação) - Universidade de São Paulo, São Paulo/SP, 2013.

BELLOTTI, Karina. A batalha pelo ar: a construção do fundamentalismo cristão norte-americano e a reconstrução dos “valores familiares” pela mídia (1920-1970). Em: Gênero, Fundamentalismo e Religião. Vol. 14. 2008.

BEZERRA JR., Benilton. Da contracultura à sociedade neuroquímica: psiquiatria e sociedade a virada do século. em: ALMEIDA, M. e NAVES, S. (orgs.). “Por que não?”: rupturas e continuidades da contracultura. Rio de Janeiro: 7Letras, 2007. p. 129-154.

BULMAN, Robert. Hollywood goes to high school. Cinema, schools and american culture. New York: Worth Publishers, 2005.

DAVIES, Gareth. See government grow: education politics from Johson to Reagan. Laywence: University Press of Kansas, 2007.

DEVINS, Neal. State Regulation of Christian Schools. em: William & Mary Law School Scholarship Repository, 1983.

https://scholarship.law.wm.edu/facpubs/381 Acesso em 01.11.2019.

DOCHUK, Darren. From Bible Belt to Sunbelt: Plain-Folk Religion, Grassroots Politics, and the Rise of Evangelical Conservatism. New York: W. W. Norton, 2011.

ENGUITA, Mariano F. O discurso da qualidade e a qualidade do discurso. em: GENTILLI, P. e SILVA, T.T. (orgs.). Neoliberalismo, qualidade total e educação. Petrópolis: Vozes, 1994. p. 93-110.

FINGUERUT, Ariel. Formação, crescimento e apogeu da direita cristã nos Estados Unidos. Em: SILVA, Carlos Eduardo Lins. (org.) Uma nação com alma de Igreja. Religiosidade e políticas públicas nos EUA. São Paulo: Paz e Terra, 2009. 113-155.

FORNER, Eric. The Story of American Freedom. New York: WW Norton, 1999.

HALE, Grace Elizabeth. A Nation of Outsiders: how the white middle class fell in love with rebellion in postwar America. Oxford University Press: New York, 2011.

KATZ, Michael. O novo pânico educacional. em: BERLOWITZ, L.; DONOGHE, D.; MENAND, L. (orgs.). A América em teoria. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1993. p. 168-183.

KLEINKNECHT, William. The man who sold the world. Ronald Reagan and the betrayal of main street America. New York: Nation Books, 2009. p. 156-157.

KUNZMAN, Robert. Homeschooling and religious fundamentalism. International Electronic Journal of Elementary Education. Vol. 3, no.1, October, 2010.

https://www.researchgate.net/publication/47446888_Homeschooling_and_religious_fundamentalism Acesso em 01/11/2019 Acesso em: 10.11.2019.

LIMA, Maria José Rocha e DIDONET, Vital. (orgs.). Fundeb: avanços na universalização da educação básica. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2006. Disponível em: http://portal.inep.gov.br

Acesso: 02.12.2019

MARDSEN, George M. Fundamentalism and American Culture: the shape of twentieth-century evangelicalism 1870 - 1925. Oxford - New York - Toronto: Oxford University Press, 1980.

____. Religion and American Culture. Belmont, CA: Thompson Wadsworth, 2001.

PAULINO, Carla Viviane. O impulso neoliberal e neoconservador na educação brasileira: a imagem do professor doutrinador” e o projeto “Escola sem partido”. Educere et educare. Revista de Educação. Universidade Estadual do Oeste do Paraná, vol. 13, no. 28. 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.17648/educare.v13i28.18731

Acesso em: 12.11.2019.

PENNA, Fernando. “Escola sem Partido” como ameaça à Educação Democrática: fabricando o ódio aos professores e destruindo o potencial educacional da escola. em: MACHADO, A. e TOLEDO, M. (orgs). Golpes na História e na Escola. O Brasil e a América Latina nos séculos XX e XXI. São Paulo: Cortez e ANPUH São Paulo, 2017. p. 247-260

PICHONELLI, Matheus. Homeschooling e a domesticação do aluno. em: MARIANO, Alessandro. (et. al.). Educação contra a barbárie: por escolas democráticas e pela liberdade de ensinar. São Paulo: Boitempo, 2019. p. 1648-1798 (versão kindle).

RAVITCH, Diane. Vida e morte do grande sistema escolar americano. Como os testes padronizados e o modelo de mercado ameaçam a educação. Porto Alegre: Sulina, 2011.

SMOLLA, Rodney A. Jerry Falwell v. Larry Flynt: the first amendment on trial. New York, St. Martin Press, 1988.

SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. STF nega recurso que pedia reconhecimento de direito a ensino domiciliar. Brasília, 12 setembro de 2019. Disponível em http://stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=389496

Acesso em 07.11.2019.

TROVAO, Flávio. 30 anos de isolamento: o HIV e a trajetória da AIDS no filme "Meu querido companheiro". em: Caderno espaço feminino. Uberlândia. vol. 6, n.2, 2013.

http://www.seer.ufu.br/index.php/neguem/article/view/24668

Acesso 01.12.2019

WHAPSHOTT, Nicholas. Ronald Reagan and Margareth Thatcher. A political marriage. New York: 2007.

ZOLL, Rachel. Pastor on fringe of the US Christian Life. In: Boston.com. 08/09/2010. Disponível http://www.boston.com/news/nation/articles/2010/09/08/fla_pastor_on_fringe_of_us_christian_life/ Acessado em: 10.09.2019.




DOI: https://doi.org/10.12957/transversos.2019.47405

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Autor concedendo à Revista Transversos o direito de primeira publicação.

ISSN:2179-7528