HISTORIOGRAFIA AFRICANA E OS VENTOS SUL: DESENVOLVIMENTO E HISTÓRIA

Selma Alves Pantoja

Resumo


DOI: 10.12957/transversos.2016.26482

A partir da preocupação com o tema do desenvolvimento, o texto pretende abordar a historiografia africana, pelos caminhos que hoje são inevitáveis, das conexões globais e locais, considerando as possibilidades para uma escrita da história. Entram no debate o conjunto de teorias dos campos dos pós-coloniais, da colonialidade e da experiência Sul. Nesse sentido, para minha reflexão referencio algumas teorias, numa leitura intertextual, sobre as questões da produção do conhecimento nas construções sobre África e América Latina.  Embora à primeira vista o tema pareça por demais robusto, o foco será dado a questão das narrativas sobre o Estado-Nação africano e os elementos simbólicos de ‘recuperação’, presentes na sua constante atualização, movendo-se nas ações de desapropriação e apropriação daqueles elementos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/transversos.2016.26482

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

REVISTA TRANSVERSOS - ISSN:2179-7528

Laboratório de Estudos das Diferenças e Desigualdades Sociais - UERJ

Campus Francisco Negrão de Lima - Pavilhão João Lyra Filho Rua São Francisco Xavier, 524 - 9° andar - Bloco D, sala 6.

http://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/transversos