A PEDAGOGIADO ARTESANATO

Isabela Frade

Resumo


O presente texto levanta algumas questões sobre os valores do artesanato para o ensino da arte. Não se trata aqui de separação entre artesanato e arte; na verdade, estarei defendendo a idéia de que artesanato é arte ou, ainda, que o artesanato é uma forma de arte. Busco penetrar a fissura aberta por uma concepção racionalista da arte que o projeta como uma forma menor de arte ou o situa em oposição a uma “Bela Arte”. Nesse sentido, lanço o conceito de intra-estética para apreciação dos modelos estéticos artesanais, focando especialmente a cestaria guarani


Palavras-chave


ARTE; ARTESANATO; CESTARIA GUARANI; ENSINO DE ARTE; CONSUMO ESTÉTICO

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.