SAMBA-ENREDO: DA EPOPEIA À CRÔNICA

Fred Góes

Resumo


DOI: http://dx.doi.org/10.12957/tecap.2009.12173

O artigo aborda a feição crônica no universo dos sambas enredo das escolas de samba do Rio de Janeiro. Tal característica é comum nas marchinhas e sambas carnavalescos que habitualmente passavam em revista o ano antecedente ao carnaval ou criticavam algum aspecto social, econômico, comportamental. Sendo a crônica considerada por muitos críticos a mais brasileira das formas literárias, não poderia passar desapercebida de nossos compositores – os de carnaval ou não.


Palavras-chave


CARNAVAL, SAMBA-ENREDO, CRÔNICA, ESCOLA DE SAMBA, CULTURA BRASILEIRA.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/tecap.2009.12173

Apontamentos

  • Não há apontamentos.