CAVEIRÃO & HOMEM PROSTITUTO & LATE QUE EU ESTOU PASSANDO: O QUE VEMOS, O QUE NOS OLHA NO COTIDIANO ESCOLAR

Aldo Victorio Filho, Aristóteles Berino

Resumo


DOI: http://dx.doi.org/10.12957/tecap.2010.12148

Aborda a ‘funkificação’ das escolas: agenciamentos juvenis que desestabilizam o governo escolar, minam os espaços de rotina e de ordem estabelecida, confrontando as práticas institucionalizadas de cálculo e previsibilidade do cotidiano e desmoralizando o imaginário e as narrativas estabelecidas na modernidade a respeito da diligência pedagógica – ao som do batidão.


Palavras-chave


ESTÉTICA E CULTURAS POPULARES, JUVENTUDES, FUNK.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/tecap.2010.12148

Apontamentos

  • Não há apontamentos.