ACUMULAÇÃO PRIMITIVA, CAPITAL FICTÍCIO E ACUMULAÇÃO POR ESPOLIAÇÃO: INTRODUÇÃO A UMA LEITURA GEOGRÁFICA DA ECONOMIA CAPITALISTA CONTEMPORÂNEA

José Arnaldo dos Santos Ribeiro Junior

Resumo


Este trabalho busca introduzir uma leitura geográfica da economia política contemporânea enfatizando a relação entre a acumulação primitiva, capital fictício e acumulação por espoliação. Primeiro retorna-se ao conceito marxiano de acumulação primitiva. Em seguida, baseando-se em F. Chesnais, estabelece-se a relação da acumulação primitiva com o capital fictício. Por fim, pontua-se a dialética entre os dois fenômenos e o conceito de acumulação por espoliação de D. Harvey.

Texto completo:

55 - 66


DOI: https://doi.org/10.12957/tamoios.2014.5354

ISSN: 1980-4490

Periódicos Capes Resultado de imagem para logotipo biblioteca nacional