DA MILITARIZAÇÃO AO ENCARCERAMENTO: UMA VISÃO SOBRE O PROCESSO DE SEGREGAÇÃO URBANA NO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO

Mariana dos Santos Nesimi

Resumo


Neste artigo, buscamos discutir a tese de que determinados locais da cidade, em virtude de um longo processo de marginalização, passam a ser estigmatizados como territórios do crime, lar de potenciais criminosos. Além das políticas de controle e distanciamento social que são promovidas no espaço a partir dessa perspectiva, hoje, podemos destacar um aprofundamento dessa lógica através do movimento de confinamento espacial, que tem como objetivo “garantir” o ordenamento urbano. Destacamos como exemplos de confinamento a militarização do espaço urbano e as medidas de encarceramento, que embora sejam movimentos distintos, compartilham alvos e práticas.


Texto completo:

52-62


DOI: https://doi.org/10.12957/tamoios.2020.52618



ISSN: 1980-4490

 Resultado de imagem para logotipo biblioteca nacional     Portal de Periódicos da CAPES