COMO AS FAVELAS NOS AJUDAM A PENSAR A CIDADE APÓS A PANDEMIA DO CORONAVÍRUS?

Mario Pires Simão

Resumo


Este ensaio tem como objetivo relacionar os atuais contextos da pandemia do vírus COVID-19 nas periferias urbanas, em especial, nas favelas. Entendemos que a pandemia constitui uma oportunidade para refletir sobre nosso grave quadro de desigualdade social e sobre o desafio que se impõe a sociedade brasileira para pensar a cidade para além da lógica capitalista, reconhecendo um urbanismo periférico ou subalterno como uma das respostas potentes e inventivas a luta pelo direito à cidade. 


Palavras-chave


favelas, cidade, urbanização, práticas sociais, periferia, COVID-19, coronavírus

Texto completo:

50-62


DOI: https://doi.org/10.12957/tamoios.2020.50437

ISSN: 1980-4490

Periódicos Capes Resultado de imagem para logotipo biblioteca nacional