REPRESENTAÇÕES DO ESPAÇO GEOGRÁFICO EM DISPUTA: O MOVIMENTO NEGRO BRASILEIRO E AS NOVAS CARTOGRAFIAS SOCIAIS

Lya Moret Boynard

Resumo


O trabalho discute o papel da cartografia como instrumento na luta anti-racismo do Movimento Negro. Há um cenário de disputa pela legitimidade hegemônica da leitura espacial e pelo protagonismo da produção cartográfica e esse trabalho vai mostrar a partir da análise de experiências em Mapeamento Social e Participativo, como o uso de novas cartografias sociais (feitas por, para e com o Movimento Negro), pode servir para endossar lutas do Movimento Social.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/tamoios.2010.1170



ISSN: 1980-4490

 Resultado de imagem para logotipo biblioteca nacional     Portal de Periódicos da CAPES