VIVENDO NAS SOMBRAS: A CRISE HUMANITÁRIA DOS REFUGIADOS SÍRIOS NA JORDÂNIA E OS LIMITES DA SOBERANIA

Lier Pires Ferreira

Resumo


Quase três décadas após a derrocada do Socialismo Real, a “nova ordem” internacional ainda não foi capaz de equacionar a questão das crises humanitárias que emergiram a partir dos anos 1990. No presente, um dos dramas humanitários mais intensos desenvolve-se na Síria, país sobre o qual recente relatório das Nações Unidas, intitulado Living in the shadows. Home Visits Report 2014 | Syrian Refugees in Jordan, sumariza as condições sub-humanas em que vivem milhares de refugiados sírios. Tendo como base o relatório em tela, o presente trabalho faz uma análise interpretativa dos dados levantados pela ONU e os correlaciona com a questão da soberania estatal no contexto da “ordem” internacional ainda em construção.

Palavras-chave


Refugiados; Soberania; Intervenção Humanitária

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/synthesis.2017.48244

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1414-915X (versão impressa)
ISSN 2358-4130 (versão digital)