Cirurgia ambulatorial em hospital escola na perspectiva do paciente

Guilherme Temporão Monteiro, Catherine Potrich Cotta, Laís Mileski Schumiguel, Marcelo Stadler Junior, Viviane Faccio, Eliane Mara Cesário Pereira Maluf

Resumo


A cirurgia ambulatorial ainda é uma disciplina pouco presente na grade curricular de instituições de medicina no Brasil. Porém, é essencial que os acadêmicos tenham contato com essa prática na sua formação acadêmica para serem melhor capacitados para o futuro médico que lhes aguarda. Tendo em vista este cenário, o presente estudo busca, a partir da perspectiva dos pacientes, avaliar a satisfação geral destes com o serviço de Cirurgia Ambulatorial de um Hospital Escola. Foram aplicados questionários a todos os pacientes que realizaram um procedimento cirúrgico no ambulatório de Cirurgia Ambulatorial do Hospital da Cruz Vermelha nos períodos de Agosto a Novembro de 2019 em dois momentos: imediatamente ao fim do procedimento cirúrgico e após 30 dias. Foram obtidos 183 questionários respondidos avaliando a taxa de satisfação geral do serviço, que de acordo com pacientes envolvidos no estudo, foi de 88%. Além disso, em alguns aspectos, os pacientes atribuíram maiores graus de satisfação quando orientados por acadêmicos. A maioria dos pacientes estão satisfeitos com o serviço de cirurgia ambulatorial do Hospital da Cruz Vermelha do Paraná, inclusive quando esse serviço é realizado por acadêmicos. Assim, o presente estudo busca a atenção da comunidade médica para a Cirurgia Ambulatorial e incentiva outras instituições a implementarem essa matéria em suas grades curriculares.

Palavras-chave


Cirurgia ambulatorial; Satisfação do paciente; Qualidade de assistência à Saúde; Pesquisa de satisfação

Texto completo:

PDF

Referências


AYALA S, CRISTIANI F, SARALEGUI J. Satisfação do paciente em um serviço de anestesia ambulatorial. Anest Analg Reanim , Montevidéu, v. 24, n. 2, p. 53-58, 2011. Disponível em .

BASTOS LO, ANDRADE EN, ANDRADE EO. Relação médico-paciente na oncologia: estudo a partir da perspectiva do paciente. Revista Bioética, 2017.

DIAS OV, VIEIRA MA, DIAS JP, RAMOS LH. As dimensões da satisfação dos usuários do Programa Saúde da Família: confiabilidade e empatia. Acta paul. enferm., São Paulo , v. 24, n. 2, p. 225-231, 2011 . Available from .

GIORDANI AT, SONOBE HM, EZAIAS GM, VALÉRIO MA, BARRA MR, STADLER DB. Profile of surgical patients treated in a public hospital. Journal of Nursing UFPE on line, [S.l.], v. 9, n. 1, p. 54-61, oct. 2014. ISSN 1981-8963. Disponível em: .

LEVORATO CD, MELLO LM, SILVA AS, NUNES AA. et al . Fatores associados à procura por serviços de saúde numa perspectiva relacional de gênero. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro , v. 19, n. 4, p. 1263-1274, Apr. 2014 . Available from .

LIMA-COSTA MF. A influência da idade e da escolaridade no uso de serviços preventivos de saúde – Inquérito de Saúde da Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Epidemiologia e Serviços de Saúde 2004.p.209-215.

MATTAR FN. Pesquisa de Marketing: metodologia e planejamento. São Paulo: Editora Atlas, 1999. 337 p., Volume 1, 5a edição.

MINISTÉRIO DA SAÚDE (BR). Secretaria-Executiva. Núcleo Técnico da Política Nacional de Humanização. Política Nacional de Humanização. Brasília: Ministério da Saúde; 2013.

PINTO TV, ARAUJO IE, GALLANI MC. Enfermagem em cirurgia ambulatorial de um hospital escola: clientela, procedimentos e necessidades biológicas e psicossociais. Rev. Latino-Am. Enfermagem, Ribeirão Preto , v. 13, n. 2, p. 208-215, Apr. 2005 . Disponível em: .

PURIM KS, JAMES S, FERNANDES JW. Basic skills for outpatient surgery in medical graduation. Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, [s.l.], v. 42, n. 5, p.341-344, out. 2015. FapUNIFESP (SciELO).

SANTOS MA, ROSSI LA, PAIVA L, DANTAS RA, POMPEO DA, MACHADO EC. Medida da ansiedade e depressão em pacientes no pré-operatório de cirurgias eletivas. Revista Eletrônica de Enfermagem, Ribeirão Preto, v. 7, n. 922, p.222-227, out. 2012. Disponível em: https://www.fen.ufg.br/fen_revista/v14/n4/pdf/v14n4a21.pdf.

SILVA JÚNIOR SD. Mensuração e Escalas de Verificação: uma Análise Comparativa das Escalas de Likert e Phrase Completion. Revista Brasileira de Pesquisa de Marketing Opinião e Mídia, Bayeux, v. 15, n. 1, p. 1-16, 1 mar. 2014.




DOI: https://doi.org/10.12957/sustinere.2021.61481

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


   Resultado de imagem para blogger icon   

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

ISSN 2359-0424

IBI Factor: 2.2

 

A Revista SUSTINERE está indexada/cadastrada em: