SER POETA IMAGENS DA METAPOESIA EM FLORBELA ESPANCA

André Luiz Alves Caldas Amóra

Resumo


Florbela Espanca, poetisa pertencente ao Modernismo português,apresenta em sua poesia uma vertente neo-romântica, marcadapelo erotismo, sensualidade e pela ânsia de liberdade de expressão,além de privilegiar a riqueza do léxico, numa linguagem que exploraos símbolos e as imagens sugestivas. A poesia de Florbela utiliza-sede jogos de palavras e metáforas, dentre outras figuras de linguagem,do ponto de vista formal. Já no que se refere à temática, notam-setraços como a investigação do eu-lírico acerca do processo de criaçãoliterária, além de interrogações de cunho existencial.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons

SOLETRAS online - ISSN 2316 8838

Revista do Departamento de Letras

Faculdade de Formação de Professores da UERJ

Rua Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato - São Gonçalo - RJ

Cep: 24435-005 - e-mail: soletrasonline@yahoo.com.br