Epistemologia da prática e desenvolvimento profissional no Mestrado Profissional em Letras

Marcos Bispo dos Santos

Resumo


O Programa de Mestrado Profissional em Letras (Profletras) teve início no ano de 2013 como resultado do esforço de expansão dos mestrados profissionais, modalidade de pós-graduação já prevista para oferta no Brasil desde 1965, conforme consta do Parecer nº 977/65 do Conselho Federal de Educação. Neste texto, questiona-se a adequação da pesquisa aplicada baseada na transposição de teorias para promover o desenvolvimento profissional dos docentes, de acordo com os objetivos do Programa. Partindo da proposta de formação profissional fundada na epistemologia da prática elaborada por Schön (2000) e desenvolvida por diversos outros autores como García (1999), Perrenoud (2008), Paquay et al. (2012), Tardif (2011) dentre outros, apresenta um modelo de formação profissional do professor reflexivo, entendido como mais coerente com os objetivos do Programa.


Palavras-chave


Mestrado Profissional em Letras. Formação de Professores; Desenvolvimento profissional; Professor pesquisador.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/soletras.2018.32334

Licença Creative Commons

SOLETRAS online - ISSN 2316 8838

Revista do Departamento de Letras

Faculdade de Formação de Professores da UERJ

Rua Dr. Francisco Portela, 1470 - Patronato - São Gonçalo - RJ

Cep: 24435-005 - e-mail: soletrasonline@yahoo.com.br