EFEITO DE DIFERENTES DOSAGENS DE Fe3+ NA GERMINAÇÃO DO GIRASSOL

Paulo Sérgio Souza, Michelle Machado Rigo, Alexandre Andrade Cerqueira, Ana Carla Ferreira, Mônica Regina Marques, Daniel Vidal Perez

Resumo


O ferro é um micronutriente importante para plantas, pois está ligado à fotossíntese, na assimilação de alguns nutrientes e ao balanço hormonal, entretanto, existe uma carência de estudos sobre esse micronutriente relacionando-o ao desenvolvimento fenológico do girassol (Helianthus annuus L.), principalmente durante a germinação. Dessa maneira, o trabalho objetivou verificar os efeitos de soluções com diferentes concentrações de Fe3+ no potencial de germinativo das sementes do girassol. O experimento foi realizado em condições de laboratório com a variedade BRS 324 e com dosagens de ferro de 1, 5, 10, 20, 50, 100, 200, 300 e 500 mg L-1 sendo quatro sub-amostras de cinqüenta, para cada tratamento. Os resultados obtidos por este estudo demonstram que diferentes dosagens de Fe3+ influenciam na quantidade, na qualidade e na produtividade da germinação do girassol. As sementes em meio férrico tiveram um bom desenvolvimento, mesmo nas maiores concentrações, porém ressalta-se que são necessários mais estudos cientificos, interligando o micronutriente ferro ao desenvolvimento inicial do girassol.

 

DOI 10.12957/ric.2013.7623


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/ric.2013.7623

Direitos autorais


 

ISSN: 2316-7041 | Indexada em:

 

Licença Creative Commons

A Revista Internacional de Ciências está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.