Mapeamento do processo produtivo de erva-mate

Eraldo Antonio Bonfatti Júnior, Elaine Cristina Lengowski, Aderbal Ludka Júnior

Resumo


A erva-mate é uma espécie florestal característica da região sul do Brasil que proporciona renda aos produtores rurais, sendo o principal produto florestal não madeireiro daquela região. Com a competitividade do mercado o mapeamento de processo produtivo surge como uma estratégia avançada para que as empresas possam enxergar as suas falhas a fim de encontrar as soluções na busca por melhor produtividade e maior rentabilidade financeira.  Diante disso, esse trabalho propõe avaliar o processo produtivo de uma ervateria de pequeno porte localizada na Região do Contestado, norte do estado de Santa Catarina. Para isso o levantamento de dados contou com observação, visitas à industria e consulta aos responsáveis técnicos pela produção. Dentre as técnicas disponíveis para o mapeamento foram utilizados a análise SIPOC, o mapa de processo e o posicionamento dos processos na planta da indústria. A análise SIPOC e o mapeamento de processos como ferramentas gerenciais possibilitaram a visualização dos processos em diferentes escalas, mostrando a complexidade do processo produtivo de erva-mate padrão uruguaio em relação à erva-mate destinada para o mercado interno, o relacionamento entre as atividades e as dimensões e cruzamentos de fluxo dentro da indústria, sendo esse o principal gargalo na produção da erva-mate padrão uruguaio.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/ric.2018.32500

Direitos autorais 2018 Eraldo Antonio Bonfatti Júnior, Elaine Cristina Lengowski, Aderbal Ludka Júnior


 

ISSN: 2316-7041 | Indexada em:

 

Licença Creative Commons

A Revista Internacional de Ciências está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.