Avaliação do desenvolvimento do capim Tifton cultivado em latossolo adubado com lodo de ETA

Ana Carolina de Souza Ferreira, Jonathas Batista Gonçalves Silva, Renata de Oliveira Pereira, Adriana Paulo de Sousa Oliveira

Resumo


O tratamento da água gera grandes quantidades de lodo, que se origina nos decantadores e filtros das estações de tratamento de água (ETAs). Dentre algumas alternativas de disposição final deste resíduo, destacam-se o aterro sanitário, aplicação em áreas agrícolas, fabricação de cimento e tijolos e compostagem. Diante do exposto, o trabalho teve por objetivo avaliar o desenvolvimento do capim Tifton (Cynodon spp. cv) cultivado em um Latossolo Vermelho-Amarelo adubado com lodo de ETA. A pesquisa foi conduzida na universidade federal de Juiz de Fora, no município de Juiz de Fora – MG e avaliou a aplicação de distintas doses de lodo de ETA em relação às características de crescimento, produção de massa seca e acúmulo de nutrientes da parte aérea e radicular de dois ciclos consecutivos de 45 dias cada. Os tratamentos avaliados foram T0, T1, T2, T3 e T4 que receberam 0; 1,36; 2,73; 4,09 e 5,45 Kg m-², respectivamente, de lodo de ETA. O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado, cada tratamento com quatro repetições, totalizando 20 unidades experimentais. A aplicação dos tratamentos resultou em uma baixa produtividade e sintomas de toxidade por manganês e ferro. Concluiu-se com base nos resultados que o lodo de ETA não apresentou potencial agronômico.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/ric.2017.26466

Direitos autorais


 

ISSN: 2316-7041 | Indexada em:

 

Licença Creative Commons

A Revista Internacional de Ciências está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.