DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E SUAS CONTRADIÇÕES

Pollyana Luz Macedo da Silva

Resumo


O trabalho aqui exposto apresenta reflexões sobre o processo de exploração, desmatamento e usurpação da vida orgânica e inorgânica da natureza, que afirma sinais de esgotamento nas últimas décadas.  A intensificação da deteriorização do meio ambiente torna-se visível a partir da construção de uma sociedade de consumo descartável.  Diante do exposto cabem as seguintes questões que serão explanadas ao longo do trabalho: Como conciliar desenvolvimento sustentável num sistema altamente destrutivo como o capitalista? Como harmonizar alto grau de desenvolvimento das forças produtivas com efetiva preservação ambiental e de habitat? Como manter ecossistemas naturais com elevado índice de urbanização e progresso tecnológico? Há verdadeiramente acordo entre modo de produção baseado na lógica capitalista e modo de manutenção da natureza? Esses e outros questionamentos serão abordados no decorrer do trabalho.

 

DOI: http://dx.doi.org/10.12957/ric.2014.12593


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/ric.2014.12593

Direitos autorais


 

ISSN: 2316-7041 | Indexada em:

 

Licença Creative Commons

A Revista Internacional de Ciências está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.