Olhares de mães de grupos populares sobre a educação sexual de filhos adolescentes

Sabrina Dal Ongaro Savegnago, Dorian Mônica Arpini

Resumo


Este estudo buscou conhecer os olhares de mães de grupos populares a respeito dos diálogos sobre sexualidade com seus filhos adolescentes, principalmente no que se refere aos desafios enfrentados e aos papeis atribuídos à escola e aos serviços de saúde pública. Realizaram-se entrevistas semiestruturadas e grupos focais. Os resultados evidenciaram que as mães participantes têm apresentado dificuldades para dialogar sobre sexualidade com os filhos. A escola foi apontada como uma importante fonte de informação. As participantes destacaram também os serviços de saúde como importante recurso a ser utilizado pelos filhos e pelas próprias mães. As considerações finais apontam para a relevância das instituições escolares e de saúde na educação sexual dos adolescentes, entendendo as mesmas como complementares à abordagem da família. Destaca-se ainda a complexidade da temática e a importância do preparo dos profissionais de saúde e educação para tratar do tema, entendendo que estes quando capacitados podem se converter em importante fonte de auxílio para os pais, facilitando a abordagem.

Palavras-chave


adolescência; relações familiares; sexualidade; educação

Texto completo:

PDF HTML


DOI: https://doi.org/10.12957/epp.2018.38107

Licença Creative Commons
A revista Estudos e Pesquisas em Psicologia esta licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 3.0 Não Adaptada.

 

Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Instituto de Psicologia
© Estudos e Pesquisas em Psicologia
Rua São Francisco Xavier, 524, bloco F, sala 10.005, 10° andar, CEP 20550-013, Rio de Janeiro-RJ, Brasil
Telefone: (21) 2334-0651

E-mail: revispsi@gmail.com