VISÕES SOBRE O ISEB: PERSPECTIVAS E APONTAMENTOS CRÍTICOS SOBRE O INSTITUTO

Hugo Muller

Resumo


O presente artigo visa debater como que as Ciências Sociais se debruçaram sobre o Instituto Superior de Estudos Brasileiros após a sua extinção. A partir de um balanço crítico de obras referenciais sobre o Instituto, apontaremos alguns recursos teóricos e analíticos que se tornaram constantes. Proporemos a distinção entre duas fases das Ciências Sociais brasileira acerca do ISEB: a “fase crítica” e a “fase de reabilitação”.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/rdciv.2020.54752

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Hugo Muller

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.