INFORMAÇÃO CONTÁBIL: USUÁRIO INTERNO, EXTERNO E O CONFLITO DISTRIBUTIVO

João Marcelo Alves Macêdo, Luiz Arthur Cavalcanti Pereira, Luiz Carlos Marques dos Anjos, José Francisco Ribeiro Filho, Jorge Expedito de Gusmão Lopes, Daniel José Cardoso da Silva

Resumo


RESUMO

Ao assumir perante a sociedade o papel de ciência social, a contabilidade inicia um caminho onde a mudança paradigmática será pujante. Entretanto muitas discussões precisam acontecer antes que ela dê esse passo de consolidação. Neste contexto e por ela ser uma ciência provedora de informações, porém estas não apenas alimentam um grupo específico de usuários, pelo contrário, auxilia no arbitramento do conflito distributivo, é que trabalha-se a informação contábil como fonte perene deste processo. Em decorrência desta constatação estruturamos nosso estudo, buscando evidências que perpassam pelo modo de assimilação informacional do usuário e posteriormente pela busca por entender qual o papel desempenhado pela Informação Contábil junto aos usuários internos e externos, auxiliando-os no arbitramento do conflito distributivo. Diante deste constructo informacional edificado em meio a concepções difusas em relação ao fenômeno contábil, concluímos que a informação contábil direcionada às abordagens puramente econômica e sistêmica prejudica a exposição dos diversos prismas da contabilidade para sua observação, como resposta a necessidade social do arbitramento do conflito distributivo. Os envolvidos no processo contábil se confundem e assim exemplificam as influências e/ou variáveis exógenas e endógenas.

Palavras-Chave: Informação Contábil; Usuário Interno e Externo; Conflito Distributivo.

 

ABSTRACT

Taking to the society the role of social science, the accounting starts a path where the paradigmatical change will be vibrant. However, many discussions need to happen before it take this consolidation step. In this context, accounting is a science that provides information, but it is not only directed to a specific group of users, it helps the arbitration of the distributional conflict. This research takes the accounting information as perennial source of this process. As a result of this view, the study is structured by seeking evidences which permeate the way of assimilating information of the user and then by the search for understand what is the role of Accounting Information to internal and external users and help them in the arbitration of the distributional conflict? At this informational construct built in the midst of fuzzy concepts in relation to the accounting phenomenon, we find that the accounting information when targeted to purely economic and systemic approaches affect the exposure of many prisms of accounting to its observation, as a response to the social needs of arbitration of the distributional conflict. The accounting process involves various groups or individuals - stakeholders - which may illustrate the complexity of the influences of endogenous and exogenous variables.

Keywords: Accounting Information; Internal and External User; Distributional Conflict.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12979/rcmccuerj.v13i3.5541



ISSN da versão on-line (atual): 1984-3291
Periodicidade: Quadrimestral
Classificação CAPES: A3

DOAJ