Ensino remoto em tempos de Covid-19: percepções de alunos do curso de Letras

Fernanda Barboza de Lima

Resumo


A pandemia do Covid-19 impeliu universidades a suspenderem suas atividades que, aos poucos, foram transferidas para a modalidade de ensino remoto. Nesse contexto, professores e alunos passaram a conviver com novos formatos de ensino que se propunham a atenuar os efeitos da interrupção das aulas presenciais. Com o objetivo de nos somar às reflexões e estudos que tentam compreender os impactos dessa realidade, propomo-nos a analisar as percepções que graduandos de Letras da modalidade presencial tiveram do ensino remoto depois de cursarem disciplinas em uma plataforma virtual de aprendizagem. Os principais resultados apontam a falta de interação presencial como maior desvantagem; e a maior autonomia na organização dos estudos como maior vantagem do ensino remoto em comparação ao presencial.


Palavras-chave


ensino presencial; ensino a distância; ensino remoto

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/palimpsesto.2020.54136

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Fernanda Barboza de Lima

 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/palimpsesto


Palimpsesto é uma publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre MIAR ResearchBib BASE Logo UF Libraries University of Texas Libraries  Library Logo UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB


Licença Creative Commons

A Palimpsesto utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.