SINGULARIDADES DE UMA PERSONAGEM JUVENIL EM QUADRINHOS DE NEIL GAIMAN

Ilonita Patricia Sena de Souza, Márcia Tavares Silva

Resumo


RESUMO: Este artigo objetiva analisar a construção do suspense na narrativa ficcional juvenil em quadrinhos, suas singularidades, recursos e funcionalidades, a partir da análise de exemplos da graphic novel Coraline (2008) de Neil Gaiman. Nossas observações se iniciam com dados sobre as ficções direcionadas aos jovens e o espaço historicamente construído sobre a história em quadrinhos, em seguida, tecemos considerações específicas sobre linguagem visual, e por fim, discutimos como se articulam esses pontos na obra em destaque. Fundamentamos nossa leitura em Jouve (2012) para definir arte, Dondis (2015) sobre as expressões imagéticas, Barbieri (2017) e Mastroberti (2017) para analisar as HQ’s, e Hutcheon (2013) a respeito das várias linguagens presentes em nossa sociedade. Por fim, concluímos que a narrativa sequencial apresenta potencial provocador para construção do leitor literário jovem, uma vez que incita a leitura a partir de sua linguagem imagética e pluridimensional.


Palavras-chave


Palavras-chave: Leitor juvenil; Arte sequencial; Linguagem da HQ.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/palimpsesto.2019.40390

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Ilonita Patricia Sena de Souza, Márcia Tavares Silva

 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/palimpsesto


Palimpsesto é uma publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre MIAR ResearchBib BASE Logo UF Libraries University of Texas Libraries  Library Logo UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB


Licença Creative Commons

A Palimpsesto utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.