Luuanda: riso, alegria e vitalidade

Renata Quintella de Oliveira

Resumo


A obra Luuanda, de Luandino Vieira, possui uma série de traços muito peculiares. Um deles é a forma como o tema do riso/comicidade é abordado por este escritor. No texto de Luandino, o “riso de zombaria”, definido por Vladimir Propp, está presente, mas o que predomina é o “riso de alegria”, que, segundo Propp, é aquele através do qual o sujeito manifesta a sua força vital.

Palavras-chave


Luandino Vieira, “riso de alegria”, “riso de zombaria”, força vital.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Renata Quintella de Oliveira

 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/palimpsesto


Palimpsesto é uma publicação do corpo discente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre MIAR ResearchBib BASE Logo UF Libraries University of Texas Libraries  Library Logo UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB


Licença Creative Commons

A Palimpsesto utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.