SEGURANÇA HEMISFÉRICA: reformulações e desencontros no pós-Guerra Fria | Hemispheric Security: reformulations and disagreements in the post-Cold War period

Autores

  • Lívia Peres Milani PPG RI "San Tiago Dantas"

DOI:

https://doi.org/10.12957/rmi.2018.33612

Palavras-chave:

Segurança Hemisférica, Brasil, Argentina.

Resumo

O artigo faz um balanço da reformulação das instituições hemisféricas de Defesa e Segurança Internacional no período posterior à Guerra Fria. O objetivo é analisar o papel dos Estados Unidos da América (EUA) e contextualizar as modificações no quadro das relações interamericanas. Identifica-se que as reformas resultaram da conjuntura global, partiram de iniciativa dos EUA e geraram tanto resistência como aceitação na América do Sul. O texto foi dividido em duas partes, além da introdução e das considerações finais. Inicialmente, buscou-se reconstruir em linhas gerais o debate desenvolvido nos fóruns hemisféricos. Posteriormente, o texto aborda brevemente os desencontros entre os países do hemisfério, enfatizando as posições brasileiras. O artigo foi produzido com base em revisão de bibliografia, documentos oficiais dos organismos hemisféricos e, de maneira complementar, em pronunciamentos de líderes políticos da região.

ABSTRACT

The article examines the hemispheric defense and international security institutions in the period after the end of the Cold War. The objective is to analyze the role of the United States and to contextualize the changes in the framework of inter-American relations. It identifies that the reforms resulted from the global context; were led from the United States and generated both resistance and acceptance in South America. The text has two main parts, in addition to the introduction and final considerations. Initially, we review the debate on hemispheric security that took place in the hemispheric forums during the 1990s. Subsequently, the text addresses the disagreements among the countries of the hemisphere, with emphasis on the Brazilian positions. The article was produced based on the literature review, hemispheric institutions official documents and, in a complementary manner, statements by political representatives.

Palavras-chave: Segurança Hemisférica; Brasil; EUA

Keywords: Hemispheric Security, Brazil, U.S.A.

Recebido em 12 de Abril de 2018 | Received on April 12, 2018 

Aceito em 31 de Outubro de 2018 | Accepted on Octubre 31, 2018

DOI: 10.12957/rmi.2018.33612

Biografia do Autor

Lívia Peres Milani, PPG RI "San Tiago Dantas"

Mestre e doutoranda em Relações Internacionais pelo Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais "San Tiago Dantas" (UNESP,UNICAMP, PUC-SP) e graduada em Relações Internacionais pela Universidade Estadual Paulista - UNESP. Participa do Grupo de Estudos em Defesa e Segurança Internacional (GEDES/UNESP). Foi bolsista de iniciação científica Fapesp e atualmente é bolsista Capes. Pesquisa principalmente nos seguintes temas: Segurança Regional, Política Externa, Integração Regional, Relações Brasil-Argentina, cooperação em Defesa na América do Sul, Relações Inter-americanas.

Downloads

Publicado

24.01.2019

Como Citar

Peres Milani, L. (2019). SEGURANÇA HEMISFÉRICA: reformulações e desencontros no pós-Guerra Fria | Hemispheric Security: reformulations and disagreements in the post-Cold War period. Mural Internacional, 9(1), 39–53. https://doi.org/10.12957/rmi.2018.33612

Edição

Seção

ARTIGOS | ARTICLES