Os movimentos populares e o sindicalismo brasileiros face aos processos de integração regional na América do Sul | Popular movements and trade unions due to South American regional integration processes

Tatiana Berringer

Resumo


Este artigo analisa a ação dos movimentos populares e do sindicalismo brasileiros face aos processos de integração regional durante os governos PT (2003-2016). Buscamos entender como atuaram o sindicalismo e os movimentos populares que participaram da Campanha contra a Área de livre Comércio das Américas (ALCA) nos dez anos seguintes ao arquivamento da proposta. Acreditamos que apesar de uma diferença estratégica não existe uma contradição no seio das classes populares uma vez que as iniciativas se complementam. Há formas e vias diferentes de construção dos processos de integração regional: de um lado, o sindicalismo aposta mais nos espaços institucionais do Mercado Comum do Sul (Mercosul) e da União das Nações Sul-americanas (Unasul), e de outro lado, os movimentos populares jogam mais força na articulação dos Movimentos Sociais da Aliança Bolivariana para a Nossa América (ALBA).

ABSTRACT

This article does an analysis of popular movements and trade unions actions due to the regional integration process on PT´s governments (2003-2016). We have tried to understand how the organizations that have been participating in the fighting against FTAA have done during the next ten years after that death of that project. We sustain that despite a difference there is no strategic contradiction inside Brazilian popular classes, it is because the initiatives are complementary. There are different ways on the regional integration process: on the one side, the trade unions have a focus on institutional spaces inside Southern Comum Market (Mercosur) and South America Union Nations (Unasur), and on the other side, the popular movements play an important role on the Social Movements Articulation of Bolivarian Alliance of Americas (ALBA).

Palavras-chave: integração regional; ALCA; Mercosul; sindicalismo; movimentos populares.

Keywords: regional integration; FTAA; Mercosur; trade unions; popular movements.

Recebido em 08 de Abril de 2018 | Received on April 08, 2018

Aceito em 11 de Setembro de 2018 | Accepted on September 11, 2018

DOI:10.12957/rmi.2017.33500


Palavras-chave


integração regional ; ALCA ; Mercosul ; sindicalismo;movimentos populares.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/rmi.2017.33500



Direitos autorais 2018 Mural Internacional

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Revista Mural Internacional | e-ISSN 2177-7314

PPGRI - Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais

Rua São Francisco Xavier, 524, Pavilhão - João Lyra Filho, 9ºandar, Bloco F, sala 9037, Maracanã, Rio de Janeiro, RJ - Cep: 20550-013 - Tel. fax: (021) 2334 0678 /// E.mail –ppgri.revista@gmail.com