As bases ideológicas do realismo periférico na política externa argentina / The ideological bases of the peripheral realism in argentine foreign policy

Maurício Santoro Rocha

Resumo


Este artigo analisa a formulação ideológica da política externa do realismo periférico adotada pelos governos da Argentina na década de 1990, discutindo suas origens no revisionismo da história do país no século XX e na busca de uma relação privilegiada com os Estados Unidos no contexto de reformas econômicas pró-mercado.

ABSTRACT

This paper analyses the ideological formulation of the foreign policy of peripheral realism adopted by the governments of Argentina in the decade of 1990, discussing its origins in the revisionism of the country´s history in the 20th century and in the search for a privileged relationship with the United States, in the context of pro-market economic reforms.

Palavras-chave: Argentina; política externa; realismo periférico.

Keywords: Argentina; foreign policy; peripheral realism.

DOI: 10.12957/rmi.2015.18439

 

Recebido em 12 de Junho de 2015 / Aceito em 25 de Junho de 2015

Received on June 12, 2015 / Accepted on June 25, 2015


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/rmi.2015.18439



Direitos autorais

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Revista Mural Internacional | e-ISSN 2177-7314

PPGRI - Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais

Rua São Francisco Xavier, 524, Pavilhão - João Lyra Filho, 9ºandar, Bloco F, sala 9037, Maracanã, Rio de Janeiro, RJ - Cep: 20550-013 - Tel. fax: (021) 2334 0678 /// E.mail –ppgri.revista@gmail.com