Análise de change-point no desenvolvimento de segunda língua: um estudo da produção de Voice Onset Time por aprendizes brasileiros de Inglês

Laura Castilhos Schereschewsky, Ubiratã Kickhöfel Alves

Resumo


Este estudo baseia-se nas premissas da Teoria dos Sistemas Dinâmicos Complexos (TSDC) e apresenta uma análise de processo (LOWIE; VERSPOOR, 2015; 2019) do desenvolvimento do padrão de Voice Onset Time (VOT) positivo do Inglês-L2, considerando-se a trajetória individual de cinco falantes nativos do português brasileiro durante o período de 12 semanas, com coletas semanais. Entre as semanas 4 e 9, uma intervenção pedagógica foi realizada por meio de seis aulas de instrução explícita sobre aspectos fonético-fonológicos da língua inglesa. Análises de change-point (TAYLOR, 2000) indicaram mudanças de fase no desenvolvimento com aumento da duração de VOT, fornecendo material teórico e empírico que contribui para a visão da língua como um SDC.

Palavras-chave


Sistemas dinâmicos complexos; desenvolvimento de segunda língua; voice onset time; análises de change-point.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/matraga.2022.61409

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 


e-ISSN: 2446-6905 | ISSN:  1414-7165 | DOI: 10.12957/matraga


Matraga é uma publicação do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre DRJI MIAR BASE Logo University of Texas Libraries   UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB Google Acadêmico DOAJ Journal Tocs DOAJ


Licença Creative Commons

A Matraga utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.