Os géneros das provas académicas: entre discurso académico e discurso científico

Maria Aldina Marques

Resumo


É consensual a afirmação de Bakhtine de que falamos por géneros. A adoção deste postulado torna indispensável considerar o estatuto teórico do género e a área de atividade verbal a que se agrega, isto é, o tipo de discurso em que tem lugar. Por outras palavras, para analisar a linguagem em uso é necessário discutir o conceito de género de discurso, o que define um género, quais os parâmetros a considerar. O presente trabalho pretende, a propósito de um evento académico designado provas de agregação, determinar, descrever e explicar a categorização de um dos discursos, um género institucionalmente denominado Lição. Esta categorização é feita a partir da análise de um corpus e das perceções dos usuários sobre este género, no quadro de uma análise dos discursos.


Palavras-chave


discurso académico; discurso científico; género discursivo; lição; provas de agregação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.12957/matraga.2020.50983

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 


ISSN 1809-3507 | DOI: 10.12957/matraga


Matraga é uma publicação do Programa de Pós-Graduação em Letras da UERJ:

UERJ >> Instituto de Letras >> Programa de Pós-graduação em Letras

 


Indexado nas seguintes bases:

 

Periodicos CAPES Latindex Find in a library with WorldCat MLA Livre DRJI MIAR BASE Logo University of Texas Libraries   UCLA Library University of Wisconsin - Madison Libraries EZB Google Acadêmico DOAJ Journal Tocs DOAJ


Licença Creative Commons

A Matraga utiliza uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.